• Twitter
  • Facebook
Home \ Halachot \ Sem passado não há futuro – por Rav Netanel Tzippel

Sem passado não há futuro – por Rav Netanel Tzippel

29.12.10  |   Halachot  |  Marcella Becker

  BS”D

O filho primogênito de Adão, o primeiro ser humano, se chamava Kain. Sua mãe, Chava (Eva) lhe deu este nome porque ele deriva da palavra em hebraico Kinian (compra) e com isso, quis simbolizar que agora ela comprou sua sociedade com D’us na criação de Kain. Tanto Kain quanto Hevel (Abel), seu irmão, fizeram sacrifícios para D’us. D’us não recebeu o sacrifício feito por Kain, que por vingança matou seu irmão, Hevel. Recebendo, assim, o título de “primeiro assassino da história”… O interessante foi que no final, Kain acabou sendo assassinado também por um parente seu.

O bisneto de seu bisneto era ‘Lemech’ que era cego e saiu para caçar algo para comer, porém no lugar de trazer uma ovelha, ele acertou seu tataravô… Quando se deu conta que matara seu tataravô, bateu com força suas mãos por sua frustração e neste movimento, acertou a cabeça de seu filho e a amassou… (este talvez seja o motivo pelo qual em hebraico se chama “lemech” àquela pessoa que não é bem sucedida… é importante constar que na Torá existem duas pessoas cujo nome era “Lemech”. O primeiro é o filho de Metushael bisneto de Kain, e o segundo é o filho de Metushelach que era o patriarca de Noach). Quando Kain acertou Hevel e o matou, D’us perguntou para ele onde estava Hevel? Kain respondeu fingindo não saber do paradeiro de seu irmão. Então D’us lhe disse que “a voz dos sangues de teu irmão está dentro da terra gritando por Mim”, na Torá está escrito no plural “dos sangues de teu irmão” apesar de ser o sangue de somente uma pessoa, Hevel! Deveria-se escrever sangue de teu irmão? Daqui nossos sábios aprendem que não foi somente o sangue de Hevel que “gritava” de dentro da terra, este era o sangue de todos aqueles que deveriam ter nascido na descendência dele e agora foram “mortos” junto com Hevel, pois nem sequer nasceram.

Esta é a fonte para a famosa Halachá: todo aquele que salva uma alma, fez um ato equivalente a salvação do mundo inteiro! E todo aquele que mata uma alma, se equipara àquele que matou um mundo cheio de pessoas… Depois da morte de Hevel, quando Adam e Chavá tinham 130 anos, nasceu mais um filho – Shet, aquele que de sua descendência posteriormente, nasceu Noach.

0 Comentários.

Deixe um comentário